O Observatório da Canção de Protesto está sediado no centro tradicional de Grândola num edifício histórico, propriedade do Município de Grândola, que já foi utilizado como Paços do Concelho, tribunal e cadeia. O OCP tem na sua proximidade as instalações da Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense – Música Velha, onde José Afonso passou a 17 de maio de 1964 e se inspirou para escrever o poema “Grândola, Vila Morena”, que veio alguns anos mais tarde a dar origem à canção que serviu de senha para a revolução de 25 de abril de 1974, e que tem sido cantada por tudo mundo em sinal de protesto contra as desigualdades e injustiças.

wb_top_accessCONTACTOS